Seguidores

terça-feira, 16 de abril de 2013

De quando em vez, lá vem o vento o vento do norte que sopra mais forte as nuvens carregam ameaça chover ma vida das gentes... mas logo por sabia magia o vento se vai o sol logo brilha muda a trilha da vida da gente e nem o ciume , vence ... quando tu pertences... sabes o que queres para onde vais... eu quero ir ao teu encontro... perder-me na força do teu peito encontrar-me no carinho dos teus beijos nos desejos mais castos mais puros, dar e receber fazer da vida um hino ao amor ser tua ... seres meu... sem duvidas, sabendo que o que foi antes não tem de interferir com o que hoje existe em nós. saber que cada dia vai ser unico...cada momento.. nossa vida será nós dois e nossos filhos.... o resto é apenas isso resto ninguém é feliz com restos Não quero deixar a incerteza instalar-se não quero que o ciume meu ou teu nos faça infeliz quero acreditar...quero ... e acredito ainda que tudo me diga o contrario só o que falares fará realidade para mim .amo-te.LR

Nenhum comentário: