Seguidores

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

...Medo...

Os nossos medos por vezes, não nos deixam, seguir aquilo que mais ambicionamos...
São como monstrinhos, que nos atemoriza.
È o medo de tudo e o medo de nada, eu não sou medrosa, a vida é o que é o  não tenho medo do amanhã, amo o hoje, é o meu presente...
Sonho com a minha asa, para junto voar...e se um dia acontecer vai ser para o resto da vida... claro que nem tudo são rosas, mas vamos podar-lhe os espinhos...vamos rega-las com carinho....nada pior que ir dormir zangado...a fé tão reconfortante ter um sorriso, ao nosso lado,  a falta cumplicidade... a falta de ternura.... o saber que esta aqui alguém, nem que seja só por um sorriso, como é bom ter um sorriso, a dar alento mas horas duras , a dar carinho, quando estamos sós.
Depois quando os anos pesam, e a alma doí haverá algo melhor , que ter a nossa asa, ao nosso lado,aquela asa que nos fez voar, e agora aquece, agora já velhinhos de mão dada pela vida poder falar, apertar a sua mão , e já bem velhinhos te  dizer te amo. como é linda a vida que se vive em plenitude,com a ternura e Deus no horizonte

Um comentário:

Cida disse...

Então, amiga, um sorriso é tudo de bom, não é mesmo?
Na minha Igreja, cantamos uma música que tem uma frase assim: "pois Deus te quer sorrindo..."
Se Ele quer, quem somos nós para desobedecer, não é mesmo?...:)

Me afastei do blog sorrindo, e retornei também sorrindo e repleta de amor.

Beijo grande prá você, e tenha um feliz e santo Natal.

Cid@