Seguidores

domingo, 14 de fevereiro de 2016

carta para ti

Hoje um dia de chuva e vento bem forte..
hoje era dia de S. Valentim, dia que se celebra o amor, o companheirismo, ternura, cumplicidade, afinal tudo de bom que une quem ama. Dia dos namorados.
Para mim , não tem significado de maior pois não tenho, amores físicos, nem namorados.
Sou apenas eu, a que vivi um sonho, num mundo só meu.
O de te ter junto de mim, coisa que sei impossível, mesmo ausente és tão presente, dentro do meu mundo de emoções...
Nossa vigem pela vida , que juntos formam a vida que vivemos, nossos momentos, foram tão especiais , vão dando força e querer até , hoje, até sempre...
Confesso que as vezes sinto falta da tal asa, a tua asa para contigo voar, no  firmamento da vida,
olho o teu rosto, teu sorriso terno, teus olhos que acariciam.... tudo muda, volta a paz, volta a força, o saber que estafoi tão curta, e tão doce, perfuma meus dias com aroma único, o da saudade, felicidade são momentoss aqui, não te vejo, e parece que sinto o teu perfume, me dá uma paz....
Nesta viagem a que chamamos vida tento olhar o lado bom das coisas, tento....pois sempre aprendi contigo que tudo tem o lado bom, há que saber ver, tocar no coração, ouvir o que ele nos diz, ele fala connosco, nos ajuda a guiar no dia a dia, contigo aprendi, e tanto terias para me ensinar....a vida é assim....vou tentar usar o que me ensinas-te, tentar ser eu, em todos os momentos que ainda vou ter para viver nesta vida que me faz fazer-te presente, silenciosamente dentro de mim.
Tocaste no que de melhor há em mim, me fizeste, mulher e mãe, me deste a maior fortuna que dinheiro algum pode comprar, a felicidade imensa, de ouvir chamar-me de mãe, nossos filhos.LR

Falta

  Num dia de inverno, olhando para ti, teu sorriso cumplice.
Fazes-me tanta falta...fecho os olhos , só para ficar sozinha contigo, recordar teu olhar,teu beijo pela manhã, ou aquela flor que deixavas desenhada no espelho....Faz-me falta, teu toque, teu cheiro, teu abraço forte.... Faz tanto tempo...parecer ser ontem....
Sabes muitas vezes dou comigo, sozinha a falar contigo, preciso de ti...
os anos passarão, o sentimento não, estar só. sem ti, foi deixar a vida, partir em metade.
Só quem vive entende, a dor da falta, do abraço, do carinho, do beijo....
hoje chove....aguaceiros imensos, tudo me torna nostalgica, como era bom ver chover contigo, aninhada no teu peito, sentir teu calor,...faz-me falta amor...LR.

Mor..........



Num dia de inverno, olhando para ti, teu sorriso cúmplice.
Fazes-me tanta falta...fecho os olhos , só para ficar sozinha contigo, recordar teu olhar,teu beijo pela manhã, ou aquela flor que deixavas desenhada no espelho....Faz-me falta, teu toque, teu cheiro, teu abraço forte.... Faz tanto tempo...parecer ser ontem....
Sabes muitas vezes dou comigo, sozinha a falar contigo, preciso de ti...
os anos passarão, o sentimento não, estar só. sem ti, foi deixar a vida, partir em metade.
Só quem vive entende, a dor da falta, do abraço, do carinho, do beijo....
hoje chove....aguaceiros imensos, tudo me torna nostálgica, como era bom ver chover contigo, aninhada no teu peito, sentir teu calor,...faz-me falta amor...

Queria tanto saber dizer-te, a falta que me fazes...é tão duro seguir sozinha...quando de noite o sono vai, fico quieta , calada, és tu que me fazes companhia, tua alma vem deitar-se a meu lado, ai é tudo belo... recordo tudo que vivi contigo...
Hoje dia dos namorados, celebram o amor....eu apenas te recordo, esta tudo na palavra namorado/a, só que poucas vezes olhamos com olhos de ver.
Repara, escreve:- namorada, agora vai a palavra e retira Mor....n a M O r d a, repara no que sobra Nada.
Essa é a minha companhia, nada.assim vivo, assim sonho, assim são os meus dias sem ti, nada. LR.