Seguidores

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Falar das coisas da vida, do que magoa cá dentro, nada vale, não adianta.
Porque por mais que tente e peça, nunca me levam a sério
e sou sempre a má da fita.
Quando se divide alguém, que coração faz bater,
 já custa o quanto que basta
é inútil fazer mais, remexer dentro da ferida.
Sangra mesmo sem tocar, sem sequer se querer lembrar
Porque há-de alguém querer mexer, fazê-la sangrar também??
São coisas que a vida tem, são coisas que a vida tira,
por mim quero deixar estar , tudo no mesmo lugar
mas nunca servir,  para te impedir do que for.
Segue.Vai : Talvez ai encontres a felicidade.

Nenhum comentário: