Seguidores

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Palavras



As palavras  soltam as amarras,
 saídas do coração, levo as aqui
no momento pertinho dentro do peito
queria saber eu dizer sem embargo nem lamento...
escrever todo o sentimento
que faz mover o meu ser...
mas não sei....não aprendi..
ainda que para ti...
seja apenas  meu sentir...
As palavras que falo , sem medir...
porque se querem soltar...
da mais fundo que há em mim...
Talvez queiram apenas...
te abraçar....te agradecer...
teres-me escolhido para mãe....
de filhos tão especiais...
não são perfeitos, não são...
mas são tudo o que mais amo...
obra de arte, que moldei...
naquilo que aprendi. .
naquilo que ensinei...
não há fortuna maior , que ter
sempre o vosso abraço...
E ouvir...amo-te mãe...LR
 

Nenhum comentário: