Seguidores

sábado, 8 de março de 2014

vida

No balanço deste mar ,chamado vida...
me perco ...me encontro....
nestes dias conturbados,
todos quererem ter razão,
sem saber , bem ao certo...
onde busco, encontro... perco...
mil pensamentos, outras tantas incertezas
nada do que faço gosto...
nada do que gosto faço...
as ondas são mares vivas...
vou morrendo pouco a pouco...
deixo pois o meu legado...
obras de arte, feitas de amor
algum saber... muito querer...
Pois cada noite, tem seu dia...
feito retalhos....momentos
formaram horas...horas somadas dão anos
todos eles deram vida...
a vida que Deus me deu.LR

Nenhum comentário: