Seguidores

quarta-feira, 10 de abril de 2013

As vezes...

As vezes a vida, parece que brinca ou nos faz brincar, ao certo não sei... mas sei que seja o que for me fez bem a alma me deu alento para seguir em frente caiste na minha vida vindo do nada querendo ser tudo, ainda não sei o que és ao certo mas sei que te quero que te aceito na minha vida... tu és um menino, um menino grande.. que me esta a levar para cima, para as nuvens do sonho e da esperança, ainda nem estou a creditar que seja real... tu dizes que é...eu acredito em ti... quero acreditar ...preciso acreditar.... quem sabe se um dia ai em Londres ainda, não seremos dois a sonhar ...a querer....quem sabe? talvez no Japãn, talvez no Nepal... que importa afinal , o nome do local se estivermos juntos o resto que importa? a vida tem coisas que as vezes custa a perceber mas quando tem de ser, que importa o querer? há que aceitar as escolhas da vida o que nos faz viver, sorrir amar.. o melhor remédio para os dias de tédio pois que no amor, nada tem que impor tem que dar a mão e seguir em frente olhando o futuro não pode haver nóz, que causa embaraço, deve ser só laço que aconchega o abraço, facilita o beijo acende o desejo de seguir em frente.. as vezes as gentes não pensam no mal que pode acontecer, quando duas almas se encontram serenas, elas são apenas dois seres que se completam que se amam. que se aceitam tal qual são iguais a si mesmas.. quero estar contigo.. te aceito te espero... vem ...LR

Nenhum comentário: