Seguidores

segunda-feira, 18 de março de 2013

Pai

Amanhã é dia do Pai, Amanhã...mas sempre que penso mais em ti , pai ainda é maior a tua falta... Queria tanto que soubesses o quanto vos amei e amo... falta-me quase o ar este nó que me fica na garganta, este vazio no peito... estou aqui...aqui na casa que fizeram para mim... no lugar onde nasci, como sempre foi teu sonho... mas tu e a mãe estão em cada bocadinho de chão , em cada detalhe... estou na tua casa , na vossa casa...minha casa teus netos, e bisnetos estão por aqui também, tudo volta ao seu lugar. ás suas origens a vida é assim... O pai e a mãe partiram mas, estão sempre no meu coração... Que saudades, lembras-te quando os miúdos eram pequenos, quando rias e brincavas com o caçula? quando lhe compras-te um sacho para incentivar o gosto pelo campo , pois resultou em cheio, ele como nós ama este cantinho, se pudesse nunca saia daqui mas ele, é jovem precisa de trabalhar e aqui não tem hipóteses de preparar o futuro... Sabes pai, eu te amo, te amo como sempre te amei, hoje já velhota, reconheço que o teu amor me fez mulher para a luta que na mãe bebi os ensinamentos que ainda hoje me fazem , pensar , acreditar, viver. Hoje percebo porque me fizeste muitas vezes pensar que não gostavas de mim, querias forte, como pessoa que compreendesse que a vida não são só rosas, Obrigado pai, obrigado por tudo que de mim fizeram, Estou sozinha, sem asa, quem sabe um dia faça o que sempre me avisas-te, quem sabe um dia... tinhas razão, quando refizeste a tua vida, depois da partida da mãe, é tão duro estar assim. levei 20 anos a perceber, quase me parece impossível, ter esquecido de mim... Quem sabe né pai? quem sabe... Queria poder ter-te aqui , sentar na cozinha e conversar contigo como dantes , falar-te dos meus anseios, minhas duvidas,de tudo que de bom e menos bom a vida me dá. mas, tenho apenas o teu lugar vazio, durmo no teu quarto... Vives sempre no meu coração tu e a mãe sempre estarão perto de mim,vos amo aos dois tenho muito orgulho em ser vossa filha. Vos amo para sempre...

Nenhum comentário: