Seguidores

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Sou um homem apaixonado por tudo que é belo, adoro viver, meigo, romântico, sincero, sensível, que sabe ser forte nos momentos precisos.

Aprendi a viver um dia de cada vez, e, a saborear, segundo a segundo, todos os momentos felizes.

Gosto muito de mim!

Quero ser feliz e fazer uma mulher feliz, é o meu objectivo na vida!

Sou muito exigente comigo próprio e com os outros!

Gostaria de encontrar a minha outra metade, ou antes o meu «todo», para isso terá de ser um pouco assim:

Precisa saber falar e calar, sobretudo saber ouvir o que as palavras não dizem.Tem de gostar de poesia, de madrugada, de pássaros, das estrelas, do sol, da lua, do canto dos ventos, da brisa e das canções.

Deve ter amor, um grande amor por alguém, ou então, sentir falta de não ter esse amor. Deve amar o próximo e respeitar a dor dos outros. Deve guardar segredo sem se sacrificar. Não precisa de ser de primeira mão, nem é imprescindível que seja de segunda mão.

Não precisa de ser pura, nem de todo impura, mas não deve de ser vulgar.

Deve ter um ideal e medo de perdê-lo. Comover-se, com situações belas, e menos belas.

Que saiba conversar de coisas simples, de orvalhos, de grandes chuvas e das recordações de infância.

Deve gostar de ruas desertas, de poças de água, de caminhos molhados, do cheiro da terra molhada, de beira de estrada, de mato depois da chuva e de se deitar nele.

E finalmente que se realize ao meu lado, e que me ame..




Este texto não é meu, como devem ter notado, não conheço o autor...mas  é um texto que nos faz pensar.
Será que haverá muitos homens assim? será real ou fantasia?? não sei.
Como disse não é texto meu, mas se for seu , incomodar diga que tiro imediatamente.
Parabéns por pensar assim

Nenhum comentário: