Seguidores

sábado, 7 de maio de 2011

´Há momentos na vida em que temos de tomar decisões, embora sinta a morte na alma.
Há momentos, em que deixamos de ouvir o coração para seguir a razão, eu sou o oposto, sou toda emoção, guio me pelo coração, mas como agora, vou ter de ser cabeça. Não porque o sinta. Não porque o queira. Mas porque porque penso que será o melhor. As vezes temos de fazer opções na vida. Nem sempre as mais fáceis, as menos dolorosas, tentamos enganar a nós próprios, fingindo acreditar que um dia algo vai mudar, mas sabemos que nunca muda nada.
O fardo começa a ser pesado, a  dor a doer muito mais que o suportável.
 Ai, temos de fazer uma escolha, e eu não quero de modo nenhum forçar nada, pedir nada, quero que tudo seja em cosciência. Por isso vou seguir o meu caminho. Afinal como sempre estive sozinha.
Quando tomamos esta atitude sabemos que vai doer, esta a doer, mas também sei que, vai servir de apredizagem, e que depois da noite, há sempre um novo dia, se o chego a ver? não sei. Porque ninguém sabe. Agora o que eu sei, ou imagino, é que vai ser melhor e se não for, é porque as decisões custam a tomar, a minha esta a custar muito. Mas sabem sempre onde me encontrar, caso algo mude um dia.



2 comentários:

Andradarte disse...

Não entendi nada....antes pelo contrario, ainda fiquei mais confuso....
Não podemos saber mais?????...Desculpe
o atrevimento...Muita sorte...
Beijo

TERE disse...

És Malu?...se o és eu entendi mas quero deixar aqui um xi coração muito terno...Caso não seja permanece na mesma o meu carinho do abraço. Bjs