Seguidores

terça-feira, 30 de novembro de 2010

mudança

Olá!!! pois é, nem sempre as coisas , permanecem risonhas, e quando em vez... vem o vento frio... o vento do norte,,, que sopra tão forte, que causa arrepios ... pois é... ou melhor assim é... quando penso que tudo esta bem ...a vida resolve por me a prova... e ai estou eu mais uma vez... a tentar equilibrar-me sem cair....
mas vamos ver o que acontece.
Queria contar vos tudo mas não posso, não sei  ter a presença de espirito para o fazer, as mães entende-me.
Deixo-vos com um abraço,  e que a vossa vida , seja bem mais feliz do que a minha esta a ser, 
Deixo-vos a esplanada do restaurante onde almocei quando fomos ver o mar.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Pôr do sol


Já vos contei em segredo, não contem para niguém, acordei , foi ver o mar... neste por de sol...de encanto,
Deixo-vos aqui, um dos momentos lindos da minha vida, quis partilhar com todos... pois todos são os
amigos que eu gosto, os que me deram na cabeça, até ela abrir, e hoje estou feliz por o ter feito
ali na Foz  entre a serra e o mar, como é lindo o cantinho Portugués.

domingo, 28 de novembro de 2010

Continuo  aqui as voltas com este bendito braço que mal me deixa digitar.
Mas venho falar uma pouco , deste dia de sol , mas...frio.
 Estou a passear pela vida vivendo cada momento, de coração leve , feliz...não posso ter tudo o que quero mas tenho tudo , ou quase o que preciso... tenho paz... uma paz imensa que me enche de tranquilidade... de ternura... e depois no sopé desta serra linda... nem compreendo como pode ser de outro modo.
Meus filhos estão bem, estão felizes e eu também... mas tenho de agradecer a todos os que me deram na cabeça, me chamando a razão, me mostrando o que eu cega não queria ver...e tu também...
Foi lento o despertar, foi como tirar um pouco em cada dia.... foi o sentir renascer em mim a alegria.... e ao acordar, que vai valer a pena tentar...sentir meus sentidos de mansinho... minha crença meu carinho....
e contigo de mãos dadas caminhar pela estrada, da vida... encontrar contigo o meu lugar... foste tu...sim tu...
que me acordas-te uns de um jeito... e tu do outro...me devolveram a vontade de viver... vou tirar o meu casaco.
Vou ter mais vontade , de ser eu, e mesmo sendo passarinha de assa ferida, vou voar, até encontrar nosso lugar,vou tentar ser gente de verdade,e nesta nova fase que ai esta...seja qual seja o seu desfecho...
me trouxe muito paz... me deu a vida

sábado, 27 de novembro de 2010

Hoje e amanhã

Aqui estou depois de uns dias  mais afastada, em parte por causa da minha asa, que esta a braços com uma bendita tendinite, que só serve para me aborrecer.
De resto esta tudo bem, com eu disse a alguém, estou numa  viver a vida, dar e receber o que houver para mim sem fazer conjecturas, o que tiver de ser será.
Como já vos havia dito troquei a solidão pela esperança e fez muito bem a minha vida, vestia de mil cores, de mil projectos, alguns a dois, vamos ver o que vai acontecer , e cheguei a conclusão de que de tanto programar, sempre estraguei tudo ou quase, agora vou andando ao sabor de ventos e marés, construindo sonhos, mas de olhos abertos...a amizade não é mais de que uma maneira de amar e eu quero amar até a exaustão... quero rir brincar..ver o mar...viver a vida.
Antes para sair de casa era uma luta entre mim e meus filhos, hoje, quanto mais sair melhor...como é possível mudar tanto não sei, mas mudei, agora com os olhos postos no futuro, porque o hoje esta aqui, o ontem já foi... então embora não saiba se chega para mim, vou sonhando com o futuro, sem deixar de acalentar o hoje...

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Acordei

Escrever" falar" para mim por vezes torna-se complicado.
Porque tenho o defeito de ser muito emotiva e vou por ai a diante, e por ser demasiado transparente, e as vezes é incomodo rsrsrs
Pois bem amigos do coração, estou contente ... feliz..... Tu bem dizias para ir ver o mar... tinhas razão ,adoro o mar... faz-me bem.
 Liberta-me.
 Quase que poderia dizer que me fez de mim outra mulher.
Aprendi a ver a vida por outro lado , o lado bom, das coisas.
Estava muito fechada em casa ,não porque  alguém no dizia  para estar, muito pelo contrario, mas estava muito depressiva, aos poucos sem dar por isso, minha concha foi abrindo. 
A vida foi tomando cor deixou de ser cinzenta, para virar arco-iris, parece de loucos , né rsrsr
Mas.. de loucos ou não... esta a ser lindo...,sair ver o mar...conversar, com amigos tem sido maravilhoso.
Mesmo nos dias de inverno, ver o mar me acalma...me da energia...me torna feliz. 
agora quero seguir meu rumo, de mãos dadas  com a vida, com a esperança e com a alegria,
aproveitar, este lado da vida da qual eu andava arredada, podemos viver sem fazer grandes asneiras, porque afinal, estou viva e não sabia.
É delicioso ver a chuva a cair, como agora e apesar desta aragem fria , que me fustiga o rosto.
Como é reconfortante o calor amigo, da família dos amigos


sábado, 20 de novembro de 2010

tudo muda

Ontem e o hoje. tão próximos e tão distantes.
Ontem desilusão... a angustia de não saber que fazer. Hoje a serenidade...o pensar seguir em frente...
sem deixar mais acredito... que o monstro da duvida da desconfiança se instale em nossas vidas... vamos vencendo obstáculos... de mão dado...com a vida... com a amizade... com o amor... mas sobre tudo com a verdade.
Essa companheira fiel.Que nos momentos de duvida, segreda em meu ouvido.... analisa... olha com olhos de ver... nem tudo que parece é...
E como gosto de fazer, tudo com o pé firme na terra... vou ouvindo a verdade... a esperança...e o amor.
e neste amar ... com amor que me vai enchendo o coração...que vou vencendo batalhas, vou encontrando ilusão.
Mas com a esperança, a verdade, e o amor a morar dentro de mim...que outra coisa poderia, não me trazer a alegria?  a esperança, e alegria são irmãs.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

VOAR

Neste redopiar constante que a vida dá, vamos seguindo adiante.
Umas vezes bem contentes outras com a morte na alma.
 Já tive por companheira minha amiga solidão, aos poucos foi aprendendo a trocar, eu de lugar, e tornei-me amiga da esperança, e la vamos lado a lado,mesmo, quando como agora ... a desilusão quer voltar... levanto os olhos para o alto, e dou-lhe a esperança a beber... perdemos amigos... perdemos amores.... mas se os perdemos é porque por algum motivo...
....a duvida...esse monstro negro e feio ... que destroí a confiança, sem ela não pode haver...amizade que resista...ou amor que se aguente...
A esperança!! essa criança bonita que entrou em minha vida, vai ensinar-me a viver... a esquecer... e  não deixar , novamente... a solidão, instalar-se no meu peito...
Vou mudar; de mim um pouco, vou voltar a querer ser gente....a tirar o meu casaco e voltar a ser quem era...uma Lu onde a derrota.. não tinha o menor sentido... e apesar da minha asa, estar um pouco empenada... vou voar...até a onde a imaginação deixar.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Nasce o dia...

Neste despertar  quando o horizonte, nos mostra os primeiros raios do novo dia.
fico a olhar com exasíada, como a mãe natureza é linda.
No silencio  ensurdecedor, sim o silêncio também faz barulho.Neste estar só estando com esta natureza imensa, ouvindo os grilos cantar,há uma arvore que mexe com o voar de uma cruja, mil passaros estão
guardados sob as ramos das nespereiras, saíem em bandos, felizes num concerto que me encanta.
E eu aqui, sinto-me tão pequenina, apesar do meu tamanho, é algo doce...e amargo em simultâneo... é um querer  e não querer dentro de mim,
Mas vou querer olhar o mundo e sorrir... cultivar a esperança pois já vivi tempo demais sem ela, e venha o vento que, vier  para mim serão ventos de bonança.... e mesmo que ainda chore ... saberei olhar e ver...
o meu trilho... vou seguir.... tenho uma doce lembrança... vai ser minha companheira... o futuro a DEUS pertence , eu estou viva , que bom poder ver tudo isto, e sentir que amanhã é outro dia.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Estou aqui..

Pois é, depois desta ausência, aqui estou eu de volta, para junto dos meus amigos.
A vida esta a continuar, eu estou a querer fazer o mesmo... vacilo... tremo... mas lá vou andando.
Nem só os nossos assuntos , pessoais mexem connosco, o dos amigos quando são amigos de verdade também.
Daqui só espero que tudo se resolva em bem, quero ver-te sorrir, quero ver-te alegre... coisa que vendo bem ainda nunca aconteceu... andas sempre com uma infinita tristeza.
A vida renasce todos os dias, e espero que a tua renasça amanhã cheia de pujança, cheia de força.
Onde? com quem ?! que importância tem isso?? o importante e saber-te feliz.
Sempre pronta para lutar, para vencer, a luta do dia a dia.
Estou aqui...aqui te espero para te dar um abraço, destes que os amigos dão... espero para comemorar
o voltares a ser feliz.
Eu te adoro minha amiga.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

A noite

O dia esta no fim. A noite esta ai...noite cúmplice, companheira, na noite em que a vida prossegue...
nuns lados serena...amiga confiante, noutros... naqueles  a quem a casa foi tirada... naqueles que vivem, na rua...
onde o desanimo, a fome e o frio fustiga o rosto....naqueles que a vida desfez seus lares... naqueles onde 
a tristeza é companheira... a noite... é a ponte entre um dia ..e outro dia.
Que o a manhã nasça sereno, e cada um encontre, o rumo certo.
 O amanhã, traga a todos  o sucesso, a fé e o amor... para que a noite... que depois ira surgir, encontre cada um mais feliz, mais sereno, mais alegre de coração aquecido, na esperança que a vida dá.
numa mão que lhe estendemos, num abraço, num afago, pois todos somos irmãos... filhos da mesma raiz
tronco da árvore da vida, que gerou, a humanidade.
Que ela , posso ser um hino de paz e amor.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

se eu pudesse...

Olá venho aqui, estar um pouco com todos. Dizer-vos de como são importantes para mim.
Sabem continuo a ser uma tonta cheia de duvidas, de angustias, mas também de muita garra.
Ontem tive um dia memorável, que jamais irei esquecer, nada de especial , mas adorei.
Hoje, depois de abrir a arca das minhas memorias mais  empoeiradas pelo tempo,  e que muito mexe comigo, sinto-me bem mesmo no fundo do poço.

Mas ao mesmo tempo com garra para tentar sair de lá.

Há anos , muitos, que não pensava, não puxava o fiozinho condor  que nos leva a tanto lado, lados bons, outros nem tanto...

Tento recordar o mar...o mar faz-me recordar tanta coisa... nova , impensável para mim....
Mas o mexer no fundo de mim, trouxe a tona de água tudo o que tentei esquecer mais de 30 anos,  sabem aquele sabor amargo, que fica dentro de nós... esta todo a flor da pele.
Se eu pudesse acreditem hoje ia sozinha , percorrer estradas e veredas tentar arrancar, de dentro de mim... e seguir vida adiante... pois é passado acabou... só vive dentro da arca... bem no fundinho de mim...mas vou erguer a cabeça... e seguir o meu caminho... 

terça-feira, 9 de novembro de 2010

mais um pouco de tempo

Falei-vos de Tempo, pois e como o tempo é o nosso maior amigo, e inimigo.
Reparem, se está frio, é do tempo.
Se chove , este tempo....coitado dele, tem culpa de tudo.
E ninguém esta satisfeito. E neste falar de tempo. Chegou também o tempo de vos dizer, que o meu tempo,
é  de boa disposição, estou leve... tenho um monte de coisas para fazer de faz de conta, mas vamos lá ver o que vai sair.
Coisas para o curso claro, só podia, né.
Estou muito feliz com os resultados até agora obtido.
Cheia de esperanças de conseguir os objectivos, claro com o vosso precioso apoio.
E como foi de tempo que começai a falar , vai ser de tempo que vos vou deixar por agora pois ele foge e tenho montes de coisas para passar ao PC.
Deixo-vos um beijo e até amanhã.

domingo, 7 de novembro de 2010

Tempo

O querer e o poder, são irmãos gemeos, são filhos , do querer do construir.
È neste querer sem saber , ao certo  o que fazer ou dizer.
Poder eu preciso ter, para querer ir em frente...
Mas nesta minha indecisão,sem saber o que fazer... quero e penso poder ser... ser eu mesma ...boa ou má...
pouco importa podes crer...quando estendes tuas mãos...para dar a mão a alguém... só para  que ambos se amparem e não caiam no caminho...reparas que afinal... tudo não passou de um sonho.
Pois é sonhamos muitas vezes com o que mais ambicionamos. Acordamos, e reparamos,!:: sem saber qual a razão... fomos como prisioneiros , de tabus... fobias...e outras coisinhas mais... rsrs
Hoje...agora... desperta, senhora do meu nariz, e ao acordar tão tarde, vou ficar aqui , sentada...olhando o tempo passar...o tempo tem seus encantos... mas tem os momentos certos...  ....   o meu já passou, Oh! faz tempo.

ler

Boa tarde! que tal de Domingo!?
Esta um tempinho jeitoso, para ficar em casa, ler um bom livro, e quem sabe, ou pode namorar bastante rsrsrs
Claro isso para mim, já foi.Mas pessoal enquanto podem desfrutem...
Pouco tenho a vos contar.... estou estoirada. mas em paz.
O dia esta prestes a partir , a dar lugar a noite... tão amiga... tão misteriosa... tão cúmplice...
já amei a noite...hoje reconheço-lhe o mérito, e nada mais.
A todos vocês que tem maridos, mulheres ,namorados...se cuidem e aproveitem porque de um segundo para outro, tudo  acaba tudo se transforma... e, depois... depois... nada.
Depois na melhor das hípoteses resta a esperança.... minha amiga e companheira de grandes, horas sozinhas, quando vencemos a solidão.
Não vos vou aborrecer mais , vou deixar-vos um abraço, e vou ler... faz-me bem ler faz-me sonhar, acreditar, em coisas lindas e boas, adoro ler.LR

sábado, 6 de novembro de 2010

Obrigado vida

Com o fim de semana aqui à porta, e o coração cheio, de uma esperança, de uma confiança...há muito esquecida...cá vou levando.
Alguém ontem me dizia( um amigo muito querido)  para ir ver o Mar...Não , não foi... não pode, só isso , ok.!
Mas o mar veio ter comigo, na forma mais querida, mais  amiga...veio nas lembranças de alguém...minha mãe.
E ao recordar seus olhos...de um azul esverdiado como só vi os dela... e ao receber o carinho...de várias amigas... que quase me pegaram ao colo... me mostram ... que a vida pode e deve ser vivida...não com desanimo, mas força... e ir bem dentro de nós...lá no fundo...buscar parte daquela que lá existe mas que esquecemos.
`E aqui estou eu, bem com a vida e comigo...nunca quis prejudicar ninguém... sempre tentei ser justa...comigo e com os outros, talvez por isso.
Daqui da janela do meu quarto, tudo me pareça tão bonito, tão sereno.
Como eu quero que todos os meus amigos estejam, serenos ...felizes...a vida esta aqui... é o hoje e o agora
amanhã???? que sabemos nós do amanhã? hoje quero ser feliz com a vida que tenho porque estou em paz comigo e com os outros. OBRIGADO pela força    pelo carinho...obrigado vida por eu hoje existir

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Esperança,

O dia esta querer despontar, e eu aqui.
O dia faz promessas, de paz..de amor...em muitos corações...
o meu, esta aqui sereno... tranquilo... embora meus olhos sejam rios....
rios onde a agua corre límpida transparente, levando e lavando ... sentimentos...
antes de paixão... de ternura de querer...hoje.
 Leva de mim a desilusão... a dor... tudo que me possa magoar....
olhando este dia a nascer... eu dou graças a Deus.... pela graça de o ver...
por ter aberto meus olhos... e poder contemplar.. este horizonte... calmo sereno...lindo..
onde a mão do homem, ainda... não fez estragos.
Meu companheiro, de tantos dias, bons e maus... meu coração... embora triste... esta batendo...
... num doce... candenciado...como a dizer... a vida continua... sonhas-te... foi um sonho...
estou aqui acorda... sou teu amigo...a vida é linda..sonhar.. nem sempre é bom...
deixa viver a esperança... essa senhora... linda ternurenta... que te pega no colo...como quando...
eras menina... te embala.. e te dá força..a vida vai ter de continuar.. eu estou aqui pegando a tua mão..- obrigado por brilhares em minha vida... e teres trocado de lugar com a solidão...
esperança... esperança... nunca deixes de aqui estar e me dares a tua mão.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

lareira cá de casa

Hoje é com este calorzinho que vos venho falar um pouco.
È neste calor mas humano, que tenho á minha volta, que me é transmitido pelos filhos de sangue e filhas de coração. que vou seguindo adiante.
As vezes reconheço que não sou péra doce, talvez porque foi habituada desde muito nova, a ser dona do meu nariz, talvez pela muita lambada que a vida nos vai dando a todos.
Reconheço que sou muito emotiva e impulsiva também, sou taurina. rsrsrs
Mas quero agradecer a todos que me estão próximos, os virtuais também pois embora não os conheça(, e não vou falar em nomes porque todos sabem quem são),o carinho a força, a paciência ..às vezes... para me apoiarem.
As minhas notas não são mérito só meu, são de todos que me levantam , me pegam na mão e me dizem força caminha tu consegues, e claro da minha professora me de deixou fazer um novo teste.
para todos o meu muito obrigado.
Ao Senhor Prof. Henrique Correia, ao prof João Martins e claro só podia né! a Prof Mónica coelho, sem eles não conseguiria ter força para seguir em frente.
Gosto de cumprir as promessas não vou desistir...não. Vou seguir em frente, estou a contar com todos para me sentir apoiada, e continuar a minha caminhada.
Para todos obrigado. bj Lu

terça-feira, 2 de novembro de 2010

pois é ... deu trabalho...mas foi bom

Ah, pois é!! marrei que me fartei, mas consegui o meu objetivo, levantei a nota! para 20.
Ah pois é!!! quando se faz por isso consegue-se, estudar, trabalhar  é sempre uma satisfação enorme,
e apeteceu correr e saltar, pois dobrei a nota, foi muito bom.
Agora preciso saber qual foi a de hoje pois, fiz o teste no intervalo para , ver se alterava a nota e fiz o de hoje, quando souber vos conto.
estou feliz e deu-me outra força para continuar, nunca foi má aluna e 10 era demasiado básico, para mim.
Sou de extremos ou se faz ou não se faz, mas a fazer tem de ser inteiro, tem de se saber as matérias dadas com clareza.
Não me vou alongar mais, Pois como já vos disse  é de apenas 100horas e a matéria é muito condensada, e á testes quase todos os dias, o que é óptimo.
Tenho uma simulação de estudo de mercado para fazer e preparar o teste de 5º feira.
Deixo-vos com votos de dia feliz.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

velhos e crianças


Ser velho não é ser lixo, ser velho na óptica da malta , até vinte, trinta   anos, são todos depois dos 40 e poucos. e ser velho, é não saber nada... tudo esta errado.... nada tem sentido... como se engana....a vida vai mostrar a quem assim pensa, e quanto esta errado...
Pena que muitas vezes já seja tarde... e já magoou, já fez doer dentro de alguém... porque ser velho não é ser lixo.

Ser velho, é ter outra visão da coisas...da vida... porque já se tem outras experiências... e acreditem ou não aprende-se mais ... com a pratica do que com a teoria, e nessa idade, ainda é tudo ou quase, na base da teoria.
Já estou como alguém disse, num dia a gente chega noutro vai embora, e ao ir embora...é que os jovens notam o quanto os velhos eram sábios...  e não era necessário conhecerem o  Teorema de pitagoras para  fazerem as suas coisas, tinham menos conhecimento cientifico, mas muito mais da escola da vida... ai davam lições, embora muitos os olhassem aquele/a  velha esta senil, mas a senilidade esta na falta de sensiblidade, com que muitos dos nossos jovens, olham para os idosos que estam ao lado.
É nesta vida de loucos, que se vê por ai adiante como são tratados os nossos idosos, ainda a pouco passou na TV filhos que agrediam os país, sem respeito mutuo, e sem essa base não pode haver  harmonia entre gerações , nós todos pais, queremos dar aos nossos filhos tudo o que de melhor possuímos, mas em muitos casos infelizmente esqueceram, que precisam  muito mais de establidade emocional. 
De um abraço , um beijo do que um brinquedo, um jogo.
 Hoje compramos as crianças em vez de lhe mostrar de que não podem ter tudo,é difícil dizer não a um filho, mas é tão ,ou mais necessário que aquele brinquedo que ele viu e gostou.
Dizer não, explicar-lhe que não pode ter tudo, mas que é amado, é respeitado como filho, e queremos para nós ,pais o mesmo amor e respeito