Seguidores

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Ao meu menino

Assim dizia o Zeca Afonso:....
(O meu menino e de oiro... oiro fagueiro.
hei-de leva-lo no meu veleiro..
Venham altas montanhas... que eu não estou só,
levo o menino no meu trenó)
Mas como ele, eu me sinto acompanhada
ainda que sem ninguém
ou melhor aos olhos de todo o mundo.
O meu menino esta longe de ser como o de Zeca Afonso.
Tenho menino sem rosto, mas de coração lindo.
é e será sempre o meu menino,
que vive dentro do peito,
por quem passo noites sem dormir,
com quem sonho acordada,
minha alma, em alma tua...
Minha vida neste abraço,
sabendo que não há espaço...
amo-te estejas tu onde estiver.
sejas quem fores...
Que me importa...
bj lu

Um comentário:

AC Rangel disse...

Lu, linda poesia, lindo amor, lindo sentimento. Que mais pode desejar este menino a quem tanto amas. Por certo é de todos os meninos o mais feliz.

beijo