Seguidores

quinta-feira, 20 de maio de 2010

quando chegares onde estou

Quando se chega onde eu estou,á coisas que tu
não vés
do mesmo geito que eu
ris e chorras doutro,rir doutro chorrar
já a saudade é diferente,
do que eu olho ,do que eu sinto
eu vivi , tu vais viver,
o tempo que ainda te falta,
para chegares onde eu estou.
meu viver é declinio,o teu é pura ascenção 
como queres tu entender, o que sente meu coração
meu viver é recordar, tempo pessoas lugares
onde vivi, amei,sonhei
tu constrois o teu viver sem magoa
mas muita esperança.,e muita fé
quem sabe, quando chegares onde estou
troques lágrimas por sorrisos saudade por alegrias
e não saibas entender o que é o meu viver.

Nenhum comentário: