Seguidores

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Ontem, hoje e amanhã

Hoje, ontem, amanhã, tão diferentes tão iguais, monotonia compulsiva. em que tudo é igual, e tão diferente.
É um ir e voltar, os mesmos rostos,os mesmos silêncios, a mesma quezilia, todos os dias.
Um colega que falta, outro que se atrasa
e claro a implicância do chefe, enfim é tudo igual.
Claro o mesmo stress, o mesmo arrasar
do sistema nervoso, a juntar aos problemas de cada um , e os meus são mais que muitos. 

Nenhum comentário: