Seguidores

quarta-feira, 31 de março de 2010

SE...

Se pudesse a gente, dizer o que sente
a vida seria algo bem diferente.
Se pudesse a gente, soltar as amarras, que parecem garras.
Se pudesse-mos nós dizer o que sente bem dentro de nós, que nos faz mentir, obriga a fingir.
Se pudessemos dizer o que vai no fundo da alma
mas há que calar para não estragar, para não sofrer.
Calar, ou dizer, o quanto na alma o mar se agita,
duvidas, angustias, sem poder dizer sem nada saber.
Oh! vida danada tu não vales nada.
Se a gente pudesse viver...sem nada dizer.

Nenhum comentário: