Seguidores

sábado, 27 de março de 2010

Estar Só

Estar só , comigo mesma é deitar para fora
o que a alma sente e boca cala.
Olhar uma flor, fechar os olhos, rever o passado
os dias felizes, sem ter consciência
passaram-me ao lado, e nem dei por eles.
Eu queria vive-los de novo outra vez, ter-te aqui comigo;
ter a tua mão, teu ombro amigo, dividir contigo, 
cada segundo do meu tempo olhar os teus olhos
e em cada olhar, sentir-me protegida, amparada. 
O mundo desabou, quando tu partis-te tento erguer-me.
Pesa-me me demais a solidão,o desamor.
Este vazio que doí, esta angustia esta impotencia:
dou um passo em frente ,dois atráz que bons foram os ano que contigo vivi. 
Minha vida é um barco a naufragar em busca
de um porto de abrigo, tu és o pensamemto mais marcante que povoua meu ser.
que me faz chorrar ou sorrir a cada instante.

Nenhum comentário: